terça-feira, 3 de agosto de 2010

Escrevo

Não escrevo nada que não tenha a ver com minha personalidade, pois tenho que escrever e é isso o que penso de verdade.

Escrevo sobre a vida, sobre a morte, sobre a dor, e a alegria, sobre a satisfação e a angustia.








Escrevo...


Escrevo...


Escrevo...


Escrevo como um desabafo, escrevo o que não falo, como se fizesse parte de minha vida, escrevo porque sei que um dia irei parar de escrever mas quero ter a certeza de que outras pessoas vão ler.

Escrevo...

Escrevo...

Escrevo...




Poemas de amor

Nenhum comentário: